terça-feira, 27 de março de 2012

Três anos

Vivi vinte anos antes de conhecê-la,
Ela, apenas quinze antes de ter me visto,
Agora, quatro depois de me apaixonar,
Os dias passam, os minutos se vão,
E ela não está aqui. Não está do meu lado,
Nem começou e já esta tudo acabado,
O amor é um vicio e eu sou um viciado,
A dor é constante, a vida se torna um instante,
E ao mesmo tempo teima em não passar,
Um misto de sentimentos que se unem,
A saudade transforma anos em segundos,
E nesses segundos, não a esqueço um se quer.

Nenhum comentário: