segunda-feira, 16 de abril de 2012

Saudade


Saudade,
A solidão acompanhada do poeta errante,
Aquela tristeza desesperada do amante,
A dor constante da espera infundada,
A quimera do amor impossível, e do possível,
A tortura no calabouço invisível da paixão,
A adaga que perfura lentamente o coração,
Dor sem fundamento ou fundamentada,
A que chega com ou sem razão,
Do pedinte de sim que recebe o não,
Saudade, nascimento da nostalgia,
Alimento e câncer da paixão,
Fogo, que queima sem querer,
Saudade é um dos preços de viver.

Nenhum comentário: