quinta-feira, 24 de maio de 2012

Saudade com L

Saudade do teu beijo, saudade do desejo que ele provoca em mim,
Saudade do fraquejo que sempre me toma quando te vejo,
Saudade do meu coração acelerado, quase saltando e acelerando o teu,
Saudade, virou sinonimo do seu nome, minha companheira quando você se vai,
Saudade da minha mão nas tuas curvas, quase se perdendo sem querer se achar,
So não tenho saudade dos dias que tinha sem você, antes de me apaixonar.

terça-feira, 22 de maio de 2012

Soneto a L.

Busquei a luz do teu olhar, e ela me iluminou,
Depois de tempos perdido, agora sei quem sou
E só nos teus braços encontro a felicidade antes perdida
E essa paixão que estava a sua espera, quase adormecida,

Essa mesma paixão que todos os dias se renova e amplia,
Esse desejo que aumenta, no vicio que virou teu beijo,
Nao tem hora nem lugar, pra te ver nem preciso de ensejo,
A saudade é quase mortal e só teu abraço me sacia,

És tão linda que parece mentira, um sonho, uma alucinação,
És quase uma miragem nesse deserto que chamamos de vida,
Nesse labirinto do teu amor nem me atrevo a procurar a saida,

Depois que te vi, não vejo mais nada, só você me acalma o coração,
Poderia gritar aos quatro ventos o quanto você me faz bem,
Mas prefiro sussurrar ao seu ouvido que só preciso de você e mais ninguém.

domingo, 13 de maio de 2012

Preciso


Desde que olhei nos seus olhos não há como dizer adeus,
Encontrei a paz no teu calor e acostumei com os beijos seus,
Sorri com teu sorriso, minha alma descansou na sua,
Sem você sou como um andarilho, sem rumo, pela rua,
A saudade me sufoca, parece que preciso de você para respirar,
Meu coração escolheu o teu, é um fato que não há como negar,
Podemos ser um só basta você acreditar e não desistir de nós,
O tempo já foi cruel uma vez, não deixe ele de novo nos maltratar,
Preciso dos teus braços, preciso seguir teus passos, preciso de você.

domingo, 6 de maio de 2012

Soneto a felicidade


Teus olhos, como faróis, me guiam para felicidade antes esquecida,
A paixão não é segredo, me entrego sem nem saber se terei saída,
Na estrada entro sem medo, dessa historia já conheço a trama,
Já que te ganhei, agora quero que seja somente minha dama,

Do teu lado eu me sinto verdadeiramente feliz, sem precisar fingir,
Teu abraço me desliga do mundo, me faz viajar sem saber aonde ir,
E nem quero saber, o que importa mesmo é se lá vou te encontrar,
Onde você estiver lá estará meu coração, será lá onde devo ficar,

Agora que te encontrei todo meu passado parece um filme sem sentido,
Com você tudo é tão bom que, às vezes, quero esquecer o tinha vivido,
Quero lembrar somente de você, somente dos teus beijos a me sufocar,

Teu afago, teu carinho, teu olhar, tu és um sonho que não quero acordar,
Posso contigo sonhar, mas quero que a felicidade que trazes seja habitual,
Quero que teu sorriso seja parte da rotina, que ser feliz seja normal.